Subscribe Now

Trending News

Por que vale a pena seu filho fazer um cursinho pré-vestibular?
Vestibular

Por que vale a pena seu filho fazer um cursinho pré-vestibular?

Os cursinhos preparatórios oferecem uma grande ajuda em ano de vestibulares e Enem (Exame Nacional do Ensino Médio). E, principalmente, quando o curso desejado é muito concorrido ou a faculdade almejada é pública, o que joga as notas de corte lá no alto.

Mas, você sabia que é muito mais fácil e barato pagar um cursinho pré-vestibular agora e garantir a entrada do seu filho na faculdade, do que deixar a tão sonhada vaga escapar? O mercado de trabalho fica mais disputado a cada dia, por isso, toda oportunidade é valiosa!

Se você ainda tem dúvidas sobre o assunto, ou acha que é melhor o seu filho estudar por conta própria, não perca tempo e confira nossas dicas neste post!

Afinal, por que é tão importante frequentar um cursinho pré-vestibular?

É normal ver alguém que se formou no ensino médio prestando vestibular e Enem, mas é muito difícil que essa pessoa consiga passar em um curso concorrido logo “de primeira”. Dessa forma, para que a matéria não seja esquecida ou deixada de lado, ou até mesmo para ganhar um reforço no preparo para a prova do ano seguinte, o recomendado é que o estudante faça um cursinho pré-vestibular.

Os cursinhos oferecem diversas vantagens nesse ano em que normalmente a pessoa estaria “parada” em casa, sem estudo, esperando a prova do ano seguinte, ou ainda ficaria estudando sozinha, o que não é muito proveitoso. Muito menos, recomendado.

A seguir, listamos algumas das grandes vantagens que um cursinho oferece. Veja:

  • revisões — os cursinhos concedem revisões das matérias que não foram devidamente fixadas pelos alunos ao longo do ensino médio;
  • foco — uma das principais dificuldades quando se vai prestar vestibular se dá por não saber em que matérias focar. O cursinho mostra quais assuntos costumam ser recorrentes nas provas, o que traz um melhor direcionamento sobre o que estudar;
    simulados — a melhor forma de ir bem no vestibular é fazendo provas do mesmo estilo antes em forma de treinamento.. Todo cursinho de qualidade oferece dezenas de simulados ao longo do ano para treinar os estudantes;
  • segunda chance — sempre tem aquela matéria que foi difícil de pegar no colégio, não é verdade? Se existe uma segunda chance de aprender essa matéria tão importante para a prova, ela está no cursinho;
  • equipe preparada — todo e qualquer bom cursinho terá uma equipe que já trabalha com vestibular há muitos anos. Sendo assim, o conhecimento que essas pessoas podem transmitir é importantíssimo para o aluno.

Por que não deixar o aluno estudar sozinho?

Estudar sozinho para o vestibular pode colocar o aluno em diversos apuros, pois a falta de uma equipe de professores para orientá-lo pode ter consequências desagradáveis no dia da grande prova.

Ao estudar sozinho, não só desaparece a importante relação entre professor-aluno como também a  não menos importante relação entre aluno-aluno. Isso sem falar que, em caso de dúvidas sobre as matérias estudadas, não haverá nenhuma orientação.

Um vestibulando, com certeza, tem conhecimentos e estratégias que foram adquiridos ao longo da sua vida acadêmica, da mesma forma que o professor de cursinho também tem uma ampla bagagem nesse sentido. Essa troca de experiências é fundamental para o preparo do estudante.

Como a família pode ajudar?

A família, apesar de algumas pessoas não concordarem, é um dos grandes pilares do aluno nesse importante ano de vestibular. Afinal, além do suporte necessário com aulas extras, reforços e material, o aluno também necessita do apoio psicológico e moral que só a família pode oferecer. Portanto, a família pode e deve ajudar.

Fato é que um aluno desmotivado e sob pressão rende bem menos que outro que esteja empolgado e com uma mente saudável. Sendo assim, não coloque tanta pressão sobre o vestibulando, ele já terá pressão suficiente vinda de seus concorrentes e de si mesmo.

Qual a relação custo-benefício?

Cursos pré-vestibulares não são caros, muito pelo contrário! Se for para pensar no benefício e no retorno que essa preparação trará, o curso provavelmente se pagará no ano seguinte. Quer saber como? É simples: com foco e um bom preparo, acompanhado por uma equipe de professores capacitados, o resultado será a aprovação na faculdade dos sonhos (seja ela pública, seja particular).

É claro que se a instituição for uma universidade federal, por exemplo, o investimento no cursinho não voltará para a sua conta. Mas, certamente, a compensação será sensível, pois você não terá outros grandes investimentos com cursos preparatórios, aulas particulares ou novos exames para cursos de graduação.

Além disso, não custa nada lembrar que entrar para a faculdade pode ser a realização de um sonho, o que se mostra como uma bela recompensa pelo dinheiro, tempo e dedicação investidos.

O que um bom curso pré-vestibular tem que ter?

Inevitavelmente, existem cursinhos pré-vestibular que são melhores que outros. Então, na hora de pesquisar, preste muita atenção se a instituição atende aos seguintes quesitos:

  • professores qualificados — uma equipe qualificada e experiente que já trabalha com vestibulares e Enem é essencial em um cursinho;
  • número significativo de aprovações — quanto maior, melhor, certo? Só não se esqueça de levar em consideração o valor percentual. Pouco adianta o cursinho ter cinco aprovações em medicina, por exemplo, se ele mantém 500 alunos;
  • recomendações e avaliações — o feedback dos clientes é sempre um ponto decisivo na hora de comprar qualquer produto. Com cursinhos preparatórios isso não é diferente, por isso pesquise as redes sociais e o site da instituição para conhecer o depoimento de outras pessoas.

Normalmente, os cursinhos preparatórios podem oferecer, além das aulas, simulados e carga horária convencional, seminários, palestras e materiais extras. Se for esse o caso da instituição escolhida, não estranhe: opte por ter tudo o que ela disponibiliza, afinal, suporte e material de estudo nunca são demais!

Depois de ver todas essas vantagens que um cursinho pré-vestibular proporciona, pode ser que você já esteja procurando o melhor lugar para matricular o seu filho, certo? Se for este o caso, pesquise o histórico da instituição, avalie as opiniões de outras pessoas e escolha aquela que for atender às reais necessidades do seu filho.

Quer outra dica? Entre em contato com a gente, conheça nossos serviços e saiba como podemos ajudar!

Vestibular

Por que vale a pena seu filho fazer um cursinho pré-vestibular?

Posts relacionados

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *